Rio Antigo é o título do novo trabalho do Quinteto de Metais MP5. O projeto, segundo da carreira do grupo que começou em 2009, reúne músicos atuantes nas Orquestras do Rio de Janeiro (Sinfônica Brasileira, Sinfônica Nacional da UFF e Orquestra Petrobrás Sinfônica), todos solistas que desenvolvem atividades camerísticas, participam de máster classes e ministram aulas. Formado por Nelson Oliveira e Josué Nascimento nos trompetes, Josué Soares na trompa, Sérgio de Jesus no trombone e Carlos Vega na tuba o conjunto se destaca pelo repertório eclético, que passeia pelo erudito, popular, folclórico, jazz e contemporâneo, ganhando notoriedade pela performance bem humorada, pela interação com o público em suas apresentações e também por sua singular sonoridade e interpretação. O álbum lançado pela pela produtora e gravadora Kuarup homenageia grandes mestres da nossa música, nascidos no século 19, destacando neste trabalho o choro, a valsa, o tango brasileiro, o samba, a polka, o maxixe e o samba-canção,gêneros considerados como a fonte do cancioneiro popular que mais a frente viria a moldar toda a nossa música popular brasileira. No disco estão presentes clássicos como Rio Antigo de Altamiro Carrilho,Conversa de Botequim de Noel Rosa e Vadico, Folha Morta de Ary Barroso, Rabo de Galo de Guerra Peixe e Tico-Tico no Fubá de Zequinha de Abreu entre outros.O CD tem direção musical do Quinteto de Metais MP5, mixagem e masterização do engenheiro de som Sérgio Vieira de Lima Netto e projeto gráfico de Rosana Alencar Ribeiro pela Kuarup.
Voltar