Argumento - Canções de Sidney Milller – Ao Vivo no IMS é o novo projeto da cantora Joyce Moreno em parceria com o cantor Alfredo Del-Penho que sai pela gravadora Kuarup. O álbum celebra a obra do compositor Sidney Miller (1945 – 1980), artista polivalente,que produziu discos e dirigiu espetáculos, além de trabalhar no Museu de Arte Moderna (MAM) do Rio de Janeiro e na Funarte, que mantém a Sala Funarte Sidney Miller na capital fluminense.O disco traz a genialidade do músico que era comparado a Chico Buarque pelas afinidades estéticas das canções dos dois e por terém Nara Leão como principal intérprete de suas melodias. Gravado em espetáculo realizado no Instituto Moreira Salles, no Rio de Janeiro, em abril de 2012, o show que revisita as 12 canções do primeiro álbum do compositor, em apresentação da série Grandes Discos, deu origem ao álbum com dezesseis melodias. No repertório destaque para clássicos como O Circo, lançada por Nara no ano de 1967, a música tornou-se tema de abertura da novela À Sombra dos Laranjais (1977) na voz de Marília Barbosa, Marré-De-Cy, inspirada em cantiga de roda,É Isso Aí, canção que Sidney deu para Dóris Monteiro defender no Festival de Juiz de Fora em 1971, que foi regravada por Paula Lima trinta anos depois e enche a pista em bailes de samba-rock e festas dedicadas à música brasileira, e a ruralista A Estrada e o Violeiro, melodia vencedora do prêmio de melhor letra do festival de 1967.
Voltar